Quarta-feira, 10 de Março de 2004

LUTA

FotosPremiadas16.jpg

eu sou o farol, tu o mar
tua força tenta derrubar-me
com palavras, saudades,ausências
meu estado permanece imóvel....
nada me derubará.........
tua falta , teu desprezo, teu desamor....
dão-me força e não desarmo.
amo a vida, gosto de mim......
não tens força pare me derrubar....
mas a nossa luta ......tem razão de ser!
eu sou forte.....meu coração está cheio do teu amor,
assim não vencerás.....
eu venci......eu sou o farol!
publicado por scamuflada às 21:57
link do post | comentar | favorito
|
14 comentários:
De Anónimo a 12 de Março de 2004 às 14:42
"No Comment"!!! Simplesmente espectacular...apareçam no meu canto...Austimmm
(http://austimm.blogspot.com)
(mailto:Sphinx6@hotmail.com)
De Anónimo a 11 de Março de 2004 às 22:00
ANJO DO SOL >>>>

conseguiste entender, foi essa a mensagem que escrevi.mesmo um mar assim nao consegue derrubar este amor representado pelo farol.sofia
(http://semsentido.blogs.sapo.pt)
(mailto:scamuflada@sapo.pt)
De Anónimo a 11 de Março de 2004 às 21:50
Se esse mar de desprezo, de desamor te tenta derrubar, luta com o teu farol de amor e que ele prevaleça, pois um coração cheio de amor, tem forças para se manter de pé.Anjo Do Sol
(http://mywords.blogs.sapo.pt)
(mailto:anjodosol@sapo.pt)
De Anónimo a 11 de Março de 2004 às 21:25
Sofia preciso do teu e-mail para enviar os dados.Clika aí no nome tá? »»»»jorgebond
</a>
(mailto:jorgebond4@sapo.pt)
De Anónimo a 11 de Março de 2004 às 16:00
a falta, o desprezo, o desamor dele não te conseguem derrubar porque... estás cheia do amor dele (?) // (...) posso ter uma leitura disto, sim // poderíamos, no entanto, "jogar" com palavras e sentidos... // desprezo e desamor, nem sempre conseguem fazer derrubes // já um amor, até uma implosão pode ocasionar // ao contrário do que se julga, o mar não é força bruta // força bruta é a do homens que se lhe tenta opôr com pedras e cimento (pensa nisso) // gostei do poema, mas pensa nisso... [sorriso]
pateticopoetapalhaco
(http://pateticopoetapalhaco.blogs.sapo.pt)
(mailto:pateticopoetapalhaco@sapo.pt)
De Anónimo a 11 de Março de 2004 às 15:12
Ta mesmo fixe...
tens mesmo jeito...
continuaMiss Devil
(http://missdevil.blogs.sapo.pt)
(mailto:Miss-Devil@sapo.pt)
De Anónimo a 11 de Março de 2004 às 14:09
Adorei este post, bem escrito o texto e uma foto espectacular, que vou aproveitar para roubar... analfabeto
(http://analfabetosexual.blogs.sapo.pt)
(mailto:pp@sapo.pt)
De Anónimo a 11 de Março de 2004 às 01:21
bem! a imagem é um espanto, ja para não falar do poema que tira as palavras a qualquer umpatinhas
(http://aliberdadedeescrita.blogs.sapo.pt/)
(mailto:prcpf@latinmail.com)
De Anónimo a 10 de Março de 2004 às 23:28
Além de poético diz a verdade:) Linda foto.wind
</a>
(mailto:cruzi@netcabo.pt)
De Anónimo a 10 de Março de 2004 às 23:12
Boa noite. Continuas muito bem e com muito sentido. De ez em quando com alguns erros de português, que quem tu sabes descobre. Mas que está bonito é verdade.
Agora uma info útil : descobri um site (em português do "Brasil" que tem truques e utilidades para pores tu blog. Investiga e vê se te é útil. : http:\\tudoparablogs.com
Diverte-teescondido
</a>
(mailto:mirtoc_2003@hotmail.com)

Comentar post