Quarta-feira, 28 de Abril de 2004

ESTRANHA....

estranha05.jpg




que se passa?


porque não te vi hoje?


dizes que sou estranha, misteriosa


que sou...que sou....que sou.....


ainda sou assim tão estranha para ti?


disseste que aprendeste a gostar de mim....


aprendeste a gostar da minha forma estranha de
te ver?


a minha forma misteriosa de me esconder?


as minhas fugas das palavras que não quero
dizer?


que se passa, porque não te vi hoje?


aprendeste a fugir de mim?


ensina-me a não fugir, a deixar de ser
estranha....


ensina-me a gostar de ti....





</html>
publicado por scamuflada às 21:55
link do post | comentar | favorito
|
16 comentários:
De Anónimo a 22 de Março de 2005 às 16:32
kuku
Bem tenho k te dar os parabens pois tens aki um blog fantastico.
E tens imenso jeito pra escrever =) Adorei imenso este poema, ta mto intenso e transporta-nos pra dentro dele. Sei k ja num é resente, mas n poderia de comentar algo tão belo e k adorei mm.
Beijokitas e continua axim
***vera******verazira**
(http://amorvsdor.blogs.sapo.pt/)
(mailto:amor_vs_dor@hotmail.com)
De Anónimo a 2 de Maio de 2004 às 18:41
Todos somos estranhos à nossa maneira... só que alguns são descriminados por serem simplesmente diferentes... mas quando alguém nos ama, ou quando amamos alguém, passamos a ser estranhos apaixonados dispostos a mudar. Continua =) * CaMiLiNhA
(http://simplesmentepalavras.blogs.sapo.pt)
(mailto:lipaxana@sapo.pt)
De Anónimo a 1 de Maio de 2004 às 15:14
Parabens pelo magnifico texto.
Cada vez que entro no teu blog fico apaixonado pela tua escrita. Continua
Mts felicidades
www.poetasluanres.blogs.sapo.ptangeliser
(http://www.poetaslunares.blogs.sapo.pt)
(mailto:angeliser@wolfheart.org)
De Anónimo a 29 de Abril de 2004 às 21:53
===SANDRA=== é mesmo a minha forma de amar , que por vezes é muito estranha...mas acho que preciso de aprender a outra forma. beijossofia
</a>
(mailto:scamuflada@sapo.pt)
De Anónimo a 29 de Abril de 2004 às 21:52
==ARDENTE MENTE=== bem vinda aqui ao meu cantinho :) nunca fujas nem estranhes nada daqui deste espaço. beijossofia
</a>
(mailto:scamuflada@sapo.pt)
De Anónimo a 29 de Abril de 2004 às 21:51
===ACADELETRAS=== penso que sei , mas por vezes penso que não sei....beijos amigo.sofia
</a>
(mailto:scamuflada@sapo.pt)
De Anónimo a 29 de Abril de 2004 às 21:50
===LIQUE=== obrigada, acho que já encontrei o meu estílo de escrita. beijossofia
</a>
(mailto:scamuflada@sapo.pt)
De Anónimo a 29 de Abril de 2004 às 21:50
===WIND==== fico contente quando vejo um comentário teu , é sinal que conseguiste:) e sempre com palavras que me dão força para continuar. beijossofia
</a>
(mailto:scamuflada@sapo.pt)
De Anónimo a 29 de Abril de 2004 às 21:49
====GUIOMAR=== é sempre o prazer receber as tuas visitas diárias. beijossofia
</a>
(mailto:scamuflada@sapo.pt)
De Anónimo a 29 de Abril de 2004 às 19:01
Sofia, gostei muito deste teu texto! Lindo! Aprende-se a gostar, sim, aprende-se a amar... mas amar pelo que a outra pessoa é e não por aquilo que gostaríamos que fosse... a tua forma de demonstrar o teu amor é única, não é estranha... é tua! Um beijinho... SandraSandra
(http://www.espacos.blogs.sapo.pt)
(mailto:sandrinha.c.a@sapo.pt)

Comentar post