Sábado, 8 de Maio de 2004

vícios

teuouvido[1].jpg





chega o teu ouvido à minha boca....


vou-te dizer baixinho os meu vícios....


ouve só, nada diga.....descobre-me nos meus
pecados!


tenho o vicio do tabaco


de enrolar o cabelo e morder o lábio


tenho o vicio de me esconder, de camuflar


de me proteger, de me entregar


tenho o vicio de chorar, de rir e de gritar


de sofrer , e de te alegrar.....


tenho o vicio de te amar, de te procurar de te
querer


sou viciada nos vícios ..... pecados escondidos


que tu consegues desvendar....


tenho o vicio de ti....


 


 


 





</html>
publicado por scamuflada às 16:44
link do post | comentar | favorito
|
24 comentários:
De Anónimo a 10 de Maio de 2004 às 22:11
==JORGEBOND==bigada beijossofia
</a>
(mailto:scamuflada@sapo.pt)
De Anónimo a 10 de Maio de 2004 às 22:11
==LUAR TRISTE== o vicio de morder os lábios e enrolar o cabelo, são vicios caracteristicos meus os outros...todos somos viciados no amor. beijossofia
</a>
(mailto:scamuflada@sapo.pt)
De Anónimo a 10 de Maio de 2004 às 18:49
Como eu entendo quando dizes que tens vicio da pessoa que amas... é impossivel nao ter não é... Um exto muito belo.. muito doce :) Adorei :) Um beijo doceMissLadyMystery
(http://mundodossonhos.blogs.sapo.pt)
(mailto:lovespellyou@portugalmail.pt)
De Anónimo a 10 de Maio de 2004 às 18:49
Como eu entendo quando dizes que tens vicio da pessoa que amas... é impossivel nao ter não é... Um exto muito belo.. muito doce :) Adorei :) Um beijo doceMissLadyMystery
(http://mundodossonhos.blogs.sapo.pt)
(mailto:lovespellyou@portugalmail.pt)
De Anónimo a 9 de Maio de 2004 às 22:06
Sublime texto! eu diria...Até mesmo viciante :P BjinhoSusana
(http://demimparati.blogs.sapo.pt/)
(mailto:miau_suzy@hotmail.com)
De Anónimo a 9 de Maio de 2004 às 21:49
Addicted to love? Muito bonito o teu poema e o teu blogue. Adicinei aos linkes do nosso. Um abraço :-)ATuaLolita
(http://levementerotico.blogs.sapo.pt/)
(mailto:violeta_2002@mail.pt)
De Anónimo a 9 de Maio de 2004 às 17:58
Gostei de ler os teus vicios, bonito texto. beijos sofia e bom domingoGuiomar
</a>
(mailto:cjoguiomar@hotmail.com)
De Anónimo a 9 de Maio de 2004 às 17:21
Dos meus ouvidos entornam-se sons que caiem inaudiveis na tua boca:
Tenho já os meus vícios ciclicamente viciados.
E os dados com que jogo têm os lados rasurados.
E não importa as mil palavras que me gritas sem sentido.
Vício? Não. Eu antes prefiro um sentimento selvagem, do que um vício escondido.
... Recordo-me que já escrevi algo sobre o vício, que era +ou- assim:
"Selvagem é o estado puro da liberdade.
O gostar limita e condiciona esse estado, mas, difícil é não ter gostos.
No entanto, aceitá-los é sem dúvida gradear gestos, marginar ideias. É enfim
reduzirmo-nos à pequenez do vício."
Sem gostos e com toda a amizade selvagem, uma aberta comunicação....
simulador
(http://comunicar.blogs.sapo.pt)
(mailto:simulador1@sapo.pt)
De Anónimo a 9 de Maio de 2004 às 13:08
Que todos os nossos vícios fossem esses (^_~)... Se bem que ser viciado em alguêm também poderá ter o seu lado negativo... Cura?!?! :)ApitBull
(http:\\apitbull.blogs.sapo.pt)
(mailto:ApitBullapitbull@hotmail.com)
De Anónimo a 9 de Maio de 2004 às 12:56
O pior de todos os vícios - o que é realmente mortal - é o último: o vício de Ti! Mas não há como escapar-lhe - exige entrega completa ;-)sPOt
(http://spot-me.blogspot.com/)
(mailto:s_p_o_t_m_e@hotmail.com)

Comentar post